domingo , dezembro 4 2022
utensilios de cozinha que fazem mal a saude

Utensílios de cozinha que fazem mal à saúde

Alguns utensílios de cozinha fazem mal à saúde, por causa de uma substância chamada bisfenol, que causa desordens metabólicas no organismo.

O bisfenol é um composto químico muito usado para produzir plásticos, latas de alimentos e bebidas. Essa substância tóxica é liberada devido ao contato e do tempo de exposição da comida com o plástico.

Evite as embalagens plásticas e os alumínios. Procure não usar papel-alumínio para embalar alimentos. Dê preferência a copos, pratos e panelas de cerâmica, vidro, porcelana, inox e bambu. Evite utensílios de plástico e alumínio.

Utensílios de cozinha que devem ser evitados

Recipientes de plástico

Livre-se dos recipientes de plástico, substitua-os por itens de silicone ou de vidro. Se quiser usar plástico para guardar alimentos no frigorífico, passe-os para vasilhas de vidro antes de esquentá-los no microondas.

Folhas de plástico e alumínio

Se você é uma das pessoas que gosta de envolver os alimentos com papel-alumínio ou plástico, esqueça isso. O alumínio e o plástico podem prejudicar a digestão, evitar a absorção de cálcio, fósforo e magnésio e aumentar o risco de a pessoa desenvolver osteoporose.

Itens de plástico

Os utensílios de cozinha de plástico preto podem conter bisfenol. Prefira objetos de bambu, madeira ou aço inoxidável.

Panelas e tachos

Um dos problemas das panelas antiaderentes é o material usado em sua fabricação. Um dos materiais é politetrafluoretileno, material relacionado a muitos problemas de saúde, como o câncer. Porém, os riscos são menores se as panelas não tiverem arranhões e se forem usadas em temperatura média.

Produtos de limpeza

A nossa pele absorve as substâncias que entram em contato com ela. Quando for comprar um detergente, veja se ele não contém solvente que é uma substância que causa câncer.

O que é Bisfenol?

Bisfenol A, conhecido pela sigla BPA, é uma substância muito usada para fazer plásticos de policarbonato e resinas epox, sendo muito usado para fazer: recipientes para armazenar refrigerantes, garrafas de água e comida e em latas de alimentos em conserva. Porém, quando esses recipientes entram em contato com alimentos muito quentes ou quando são postos no microondas, o bisfenol A encontrado no plástico contamina o alimento e acaba sendo consumido com a comida.

Além de ser encontrado em embalagens de alimentos, o bisfenol também pode ser encontrado em papel-alumínio, cosméticos e até brinquedos de plástico. O consumo excessivo dessa substância pode aumentar riscos de doenças como câncer de próstata e de mama, mas são necessárias grandes quantidades dessa substância para prejudicar a saúde.

Como saber se as embalagens contém Bisfenol

Para saber se os produtos possuem bisfenol A, deve-se observar nas embalagens a presença dos números 3 ou 7 no símbolo da reciclagem do plástico, porque esses números representam que o material foi feito usando essa substância.

Os produtos que mais possuem essa substância são: pratos, recipientes plásticos, mamadeiras, CDs, utensílios médicos, eletrodomésticos e brinquedos.

O consumo máximo dessa substância é de 4 mcg/kg por dia para evitar prejuízos à saúde. Entretanto, a média de consumo diário de crianças e bebês é de 0,875 mcg/kg, e a média para adultos é de 0,388 mcg/kg, isso mostra que o consumo habitual da população não causa riscos. Porém é fundamental evitar o consumo exagerado de produtos com essa substância.

Tipos de bisfenol

Os muitos tipos de bisfenol que também são chamados de difenóis são moléculas orgânicas compostas por dois fenóis. Já os fenóis são formados pela ligação de uma ou mais hidroxilas diretamente a um anel aromático. Eles são conseguidos por meio da extração de óleos de hulha e alcatrão.

A hulha que também é chamada de carvão betuminoso é um líquido viscoso e inflamável que pode ser conseguido na natureza na forma de carvão mineral e na destilação do petróleo.

Já o alcatrão é uma substância feita a partir da destilação do carvão, da madeira e de ossos. Ele é um líquido viscoso composto por dezenas de substâncias químicas que são tidas como tóxicas ou cancerígenas.

Então, o ingrediente básico da formação de qualquer tipo de bisfenol é o fenol que pode ser encontrado em fontes renováveis e não renováveis. Os tipos de bisfenol são: A, B, AF, C, E, AP, F e o bisfenol S. Sendo que o mais visto é o bisfenol A, que é usado na fabricação de embalagens de alimentos, garrafas de água, aparelhos dentários e médicos, produtos eletrônicos, dentre muitos outros.

Portanto, evite armazenar alimentos dentro de sacos plásticos, papel-alumínio ou vasilhas feitas de plástico, prefira as de vidro, inox e outros materiais.

Check Also

terapia pedras quentes

Benefícios da massagem com pedras quentes para a saúde

O uso terapêutico das pedras vulcânicas tem sido aplicado durante séculos, especialmente nos países orientais …