Vestidos Baratos- Como e Onde Comprar

Comprar vestidos baratos é o sonho de qualquer mulher, no entanto nem sempre é fácil. Siga as nossas dicas para conseguir comprar o vestido que pretender ao preço mais baixo possível.

Festas e outros eventos especiais pedem um vestuário um pouco mais elegante e elaborado. Levar a um casamento o mesmo vestido que se levou a um batizado no ano anterior saí realmente mais barato, mas pode ser um tanto constrangedor se alguém tiver boa memória.

A melhor escolha é, sem dúvida, conseguir comprar vestidos baratos sem que, no entanto, se perca a elegância. Afinal, todas sabemos que hoje em dia não é preciso gastar muito dinheiro para se ficar bonita.

Comprar nos saldos – boa ou má opção?

A melhor solução para quem está a procurar preços baixos são os saldos, como seria de esperar. Mas a verdade é que esta opção tem muitos contras.

Caso contrário não estaria ainda à procura do seu vestido!

Ou é porque não estamos na época de saldos ou porque nessa altura o nosso número sumiu no mapa, comprar roupa no fim das coleções nem sempre é uma boa escolha para comprar um vestido.

Vendas online e compras em grupo

As lojas online já existem há algum tempo no nosso país mas ainda não estão “em força”.

Muitos ainda têm receio de comprar desta forma por isso muitas destas lojas apostam em boas promoções para atrair clientes – uma das melhores oportunidades para conseguir vestidos baratos!

Outra hipótese são as chamadas lojas de compras em grupo – as quais, normalmente, funcionam online.

A ideia é acordar com uma marca que determinado produto será vendido com um desconto “absurdo” se um número pré-determinado de pessoas o comprar. A desvantagem é não poder não estar disponível exatamente aquilo que procura.

Roupa em segunda mão ou alugada

Hábitos antigos estão a voltar devido às dificuldades económicas. Estes são dois grandes exemplos de que isso está a acontecer.

Mas, se pensarmos bem, qual o problema de alugar um vestido se for para vestir apenas uma vez? Assim nunca repete e poupa bastante dinheiro.

Outra hipótese é comprar roupa em segunda mão. Conseguirá um vestido barato que, possivelmente, foi apenas vestido uma ou duas vezes – quem sabe não o poderá vender novamente?

Poderá ainda não comprar um vestido simples que depois possa complementar com bonitos acessórios, fazendo destes o foco de todo o conjunto.

A maior poupança vem da nossa própria criatividade, pois podemos fazer muito com vestidos baratos se a estes juntarmos uma boa dose de imaginação.

Advertisement